• PRÓXIMO JOGO
    2019-01-06
  • AD Ponte da Barca
  • vs
  • SC VIANENSE

José Pequeno: “A alma desta equipa hoje ficou demonstrada”

José Pequeno: “A alma desta equipa hoje ficou demonstrada”

José Pequeno: “A alma desta equipa hoje ficou demonstrada”

O Estádio Dr. José de Matos recebeu, hoje, o grande jogo da 10ª Jornada do Campeonato Distrital, que opôs o SC Vianense ao CD Cerveira, dois dos primeiros classificados. O encontro terminou empatado (1-1) e, para José Pequeno, este foi “um grande jogo de futebol” e o resultado, apesar de não ser o esperado, foi o mais justo.

“Vi um grande jogo de futebol. Vi duas equipas que trabalharam muito, com muita qualidade e hoje ficou mostrada a qualidade da equipa do Sport Clube Vianense. Penso que foi um jogo bem conseguido. Tentamos, mas do outro lado esteve também uma equipa com muita qualidade, que teve mérito naquilo que fez. Acabo por aceitar o resultado. O empate é o resultado que espelha aquilo que se passou dentro de campo.”

Apesar de terem entrado mais fortes na partida, depois do intervalo, a chuva e o consequente desgaste da equipa, não permitiram aplicar a intensidade desejada e chegar ao resultado pretendido.

“Na primeira parte controlamos melhor, tivemos mais posse e tivemos mais perto da baliza adversária, algo que não conseguimos fazer na segunda parte devido a alguma falta de intensidade na zona central, onde a equipa do Cerveira era muito forte. O desgaste, com este piso, com a chuva, foi tornando as coisas menos intensas a nível de marcações e a nível tático. Penso que, mesmo assim, tivemos as melhores oportunidades de golo, mas não conseguimos concretizar.”

Contudo, mesmo depois de se verem reduzidos a 10 jogadores, a equipa não baixou os braços e, para o treinador, esta foi uma boa demonstração do espírito batalhador do plantel.

“Os últimos 20 minutos jogamos, outra vez, com menos uma unidade e isso não é bom para ninguém. Aconteceu no domingo, com os Arcos, jogamos 60 minutos com menos uma unidade, e hoje jogamos 20. Não é aquilo que pretendíamos, mas a equipa depois sabe unir-se, sabe sacrificar-se e o que se fez hoje aqui foi uma demonstração tremenda disso, porque com menos uma unidade tivemos duas oportunidades de golo e muito mais próximos da área adversária. A alma desta equipa, hoje, ficou demonstrada.”

Castigado e a ver o jogo na bancada, José Pequeno teve oportunidade de sentir o apoio de todos os presentes, algo que o deixou bastante satisfeito.

“Hoje da bancada apercebi-me de algo que às vezes não conseguimos perceber no banco: temos os sócios e simpatizantes com a equipa. E isso é algo muito positivo que eu levo deste jogo, porque eles sentem, eles percebem, que a equipa está com muita alma neste projeto e hoje é essa a lição que levo daqui, é esta demonstração.”

Apesar dos últimos resultados não serem os esperados, o plantel vai continuar a trabalhar e a preparar-se já para a próxima jornada frente ao Arcozelo.

“Cada jogo tem a sua história. Saio satisfeito por aquilo que os jogadores fizeram, não com o resultado, não era isto que pretendíamos. Por aquilo que sei continuamos no primeiro lugar e isso é importante. Vimos de um ciclo negativo, em nove fazemos dois pontos, isto não nos passava pela cabeça, mas vamos continuar a trabalhar e vamos tentar reagir já no próximo jogo.”

Antes da 11ª jornada, o Vianense desloca-se ainda a Chafé, em jogo a contar para a 2ª eliminatória da Taça AFVC.