• PRÓXIMO JOGO
    2020-03-15
  • SC VIANENSE
  • vs
  • Âncora Praia FC

Miguel Mota: “Esta primeira parte foi de grande qualidade”

Miguel Mota: “Esta primeira parte foi de grande qualidade”

Miguel Mota: “Esta primeira parte foi de grande qualidade”

O Sport Clube Vianense carimbou, esta tarde, a passagem aos quartos de final da Taça AFVC ao vencer por 2-1 o Atlético do Arcos, no Estádio Dr. José de Matos. Soado o apito final, Miguel Mota fez o rescaldo da partida. 

“Já tínhamos defrontado este adversário duas vezes e sabíamos da valia do mesmo. Não é por acaso que está nos quatro primeiros lugares do campeonato. Sabíamos que iria ser um jogo difícil.” 

Com os golos de Elivelton e Óscar, o SC Vianense conseguiu colocar-se em vantagem ainda antes do intervalo. Ainda assim, para o treinador, o resultado poderia ter sido outro.  

“Encaramos o jogo como encaramos todos em casa, mas acho que esta primeira parte foi realmente de grande qualidade. Foi pena não termos ido para intervalo com mais um ou dois golos. Acho que não era nada escandaloso ou exagerado dado aquilo que fizemos.” 

Apesar das dificuldades encontradas na fase final, o técnico considerou que a equipa esteve sempre por cima do jogo e que a vitória foi, por isso, justa.  

“Na segunda parte o jogo foi mais equilibrado. O Arcos conseguiu fazer o golo quase a acabar e depois meteu-nos ali um bocadinho em dificuldades. Mas penso que a vitória é inteiramente justa, porque a equipa esteve sempre estável, equilibrada e conseguiu controlar o jogo.” 

O Vianense não conseguiu aproveitar as oportunidades criadas para chegar a uma vantagem confortável e acabou mesmo por ver o adversário reduzir. No final, a boa exibição de Beto fez a diferença.  

“Mesmo nesta segunda parte, penso que com mais um bocadinho de discernimento e qualidade no último terço poderíamos ter feito o terceiro golo e aí acabávamos praticamente com o jogo. Não o conseguimos fazer. O Arcos acabou por fazer o 2-1 e depois o Beto fez uma excelente defesa. Mas isto não retira tudo o que aconteceu anteriormente e que dá justiça ao resultado.” 

A grande defesa de Beto é, para Miguel Mota, um indicativo de que o Vianense conta com ótimos guarda-redes e que a titularidade no campeonato pode mudar a qualquer momento. 

“Neste momento, está a jogar o Taha. O Beto jogou para a Taça e deu provas de que está a treinar a grande nível. Tem tido um comportamento excecional a todos os níveis e hoje foi prova disso, porque alguém que não treina a grande nível, que não está focado, não faz o que ele fez hoje. Portanto, quando o Beto tiver de jogar para o campeonato, vai jogar.”
 

Óscar Sá: “Poderíamos ter ido para intervalo já com o jogo praticamente resolvido” 

O autor do primeiro golo Vianense, Óscar Sá, destacou a boa exibição da equipa e lamentou não terem conseguido resolver o jogo antes do intervalo.  

“Entramos em todos os jogos da mesma maneira: com o intuito de vencer. Hoje, por ser taça, não fugiu à regra. Conseguimos assumir o controlo do jogo e acho que fizemos das melhores primeiras partes da época. Foi pena ao intervalo só estar 2-0, porque poderíamos ter ido para intervalo já com o jogo praticamente resolvido.” 

Para o defesa, apesar das dificuldades finais, a vitória foi justa, mas o resultado poderia ter sido mais dilatado.  

“Na segunda parte acabamos por sofrer um bocadinho. O Arcos também tem uma excelente equipa e acabou por ir atrás do resultado. Conseguiram o golo já no final e ainda acreditaram, mas o jogo esteve sempre controlado. Pecou, mais uma vez, por ser escasso o resultado.” 

As atenções regressam agora ao campeonato e Óscar garante que vão continuar a trabalhar para alcançar os objetivos traçados. 

“O Vianense tem de assumir aquilo que é: candidato a ganhar todas as provas em que está. Hoje fizemos o nosso trabalho, para a semana volta o campeonato e vamos continuar a tentar fazer o nosso trabalho o melhor possível. Queremos continuar com o registo de zero pontos perdidos em casa e continuar na luta, porque não está nada ganho.” 

O campeonato regressa no próximo fim de semana e o Sport Clube Vianense volta a jogar em casa, desta vez frente ao Âncora Praia FC. O objetivo é vencer e permanecer em 1º lugar, mas, para isso, precisamos do apoio de todos os Vianenses!